DITRAN promoveu Semana do Trânsito 2012

29-09-2012 11:12

A Divisão de Trânsito de Itaqui (DITRAN), comandada pelo tenente Anael Ferraz, promoveu a Semana do Trânsito 2012, de 18 a 25 de setembro, e contou pela primeira vez, com a recém formada Guarda Municipal, que foi para as ruas disseminar a campanha de conscientização de um trânsito seguro, orientando os motoristas quanto ao uso obrigatório do cinto de segurança, acessórios obrigatórios e cobrou a documentação em dia do veículo. Durante a Semana, Anael aproveitou para divulgar a estatística do trânsito de Itaqui com dados comparativos com anos anteriores.

Em Itaqui houve uma redução de 39% do índice de acidentes no bimestre de Junho e Julho de 2012, já no mês de AGOSTO, houve um aumento de 83% em relação ao ano de 2011 (sendo um total de 12 acidentes em Agosto/2011, e um total de 22 acidentes em Agosto/2012), considerando as estatísticas deste ano, hoje são 142 acidentes de trânsito causados na maioria por imprudência, ou seja, o excesso da velocidade. Fica evidenciado, se o condutor transitar com uma velocidade prudente conseguirá na maioria das vezes, reduzir a gravidade dos acidentes, ou até mesmo evitar o acidente.

TRÂNSITO SEGURO DEPENDE DA CONSCIENTIZAÇÃO DA POPULAÇÃO

- Quem anda em alta velocidade não sabe o risco que está correndo.

- O excesso de velocidade é a maior causa de acidentes graves.

- Os jovens por dirigirem há pouco tempo, muitas vezes, querem experimentar a sensação de correr. Acham que são imortais e que os acidentes só acontecem com os outros.

- Os acidentes de trânsito ocorrem em um curto espaço de tempo, e se ,no momento da colisão, o motorista estiver em alta velocidade, ele pode provocar sérios danos a si mesmo e aos passageiros em menos de dois décimos de segundos.

- Os jovens entre 18 e 24 anos são os grandes causadores e, ao mesmo tempo, as maiores vítimas dos acidentes nas ruas e nas estradas. É nesta idade que costumam testar seus limites e têm a ideia errada de que correr em rachas, dirigir embriagados ou andar sem cinto de segurança, nada vai acontecer!

- Este tipo de comportamento totalmente imprudente e inadequado pode ser FATAL e só contribui para tirar a vida de milhares de pessoas todos os anos.

- O uso do cinto de segurança reduz o risco de lesões entre 50% e 80 %.

Entre os dias 18 e 25 de setembro, quando se comemora a Semana Nacional do Trânsito, o tema Não exceda a Velocidade, Preserve a Vida foi selecionado pelo Denatran por ser um dos principais fatores causadores/contribuintes para os acidentes de trânsito (e para a gravidade desses acidentes).

Gaúchos estão correndo mais

O número de infrações por excesso de velocidade aumentou 16% em relação ao mesmo período do ano passado. Neste ano de 2012, foram 627 mil infrações de janeiro a agosto, contra as 538 mil infrações nos primeiros oito meses de 2011. No total, foram 788 mil infrações em todo o ano de 2011. As infrações por excesso de velocidade ocupam o topo do ranking das infrações no RS, representando 40% do total de infrações registradas.

Um terço das colisões que resultam em morte envolve excesso de velocidade

Mesmo que seja difícil identificar com clareza os fatores que contribuem para acidentes de trânsito, estudos indicam que pelo menos 1/3 das colisões que resultam em morte, envolve excesso de velocidade. A velocidade excessiva (ultrapassar o limite) ou inapropriada (velocidade inadequada para as condições do tempo e da via) é o fator isolado que mais contribui com as mortes no trânsito, já que, além de ser a causa de muitos acidentes, contribui sobremaneira com a gravidade destes.

 

Voltar

Procurar na página

© 2011 Todos os direitos reservados.